domingo, 29 de dezembro de 2013

BURACO NEGRO



VELOCIDADE DE ESCAPE
          
Se um corpo for lançado para o alto, com velocidade de lançamento não superior a 11,2 quilômetros por segundo, o progresso do seu movimento é obstruído pelo campo gravitacional da Terra e o corpo cai sobre a superfície da mesma. Se superior a 11,2 km/s, o corpo escapa à ação gravitacional da Terra e a esta não volta mais. Todos os objetos na Terra sujeitam-se à mesma velocidade de escape de 11,2 km/s, independentemente de sua massa, seja esta de um quilograma ou de mil toneladas. A velocidade de escape varia com o corpo celeste considerado. A da Terra é de 11,2 km/s. O valor depende da massa e do campo gravitacional do corpo celeste e da distância do objeto a ser lançado ao seu centro de gravidade.

         - A velocidade de escape da Lua é de 2,4 km/s, a de Júpiter, de 61 km/s, e a do Sol, de 620 km/s. 
O corpo não cai se a velocidade exceder  a velocidade de escape (ramo superior) 

         Chama-se de "buraco negro" ao corpo celeste cuja velocidade de escape é igual à velocidade da luz; como nada pode igualar a velocidade da luz, segue-se que nada escapa do buraco negro, nem mesmo a própria luz. Torna-se impossível ver um astro desse tipo, pois sua luz não nos alcança, o que explica o nome que lhe foi atribuído.

         - Os buracos negros são consumidores de informações.


         Os buracos negros podem ter vários tamanhos. Alguns, nos centros das galáxias, teriam se formado pelo colapso do núcleo galático e podem pesar bilhões de massas solares. São buracos negros supermaciços. Há também buracos negros estelares, que resultam da última etapa da evolução das estrelas, sempre que sua massa for suficientemente elevada (superior a duas massas solares), na sua evolução para gigantes vermelhas e supernovas. As estrelas de nêutrons resultam das supernovas e, ao fim e ao cabo, transformam-se em buracos negros.

Um comentário:

cirandeira disse...

Passando por aqui para desejar-te um 2014 renovado e sempre pleno de novas descobertas!!!

Um grande abraço